Marcadores

quinta-feira, 11 de junho de 2015

Use a comunicação a seu favor

        


       Não é todo mundo que repara que a comunicação pode ser um instrumento e tanto para o bom relacionamento no trabalho. É a comunicação que mostra (como se fosse um moldura) quem realmente cada um é. Formada pelas expressões, o tom de voz, o uso das palavras, a expressão corporal, tudo isso compõe o ser humano, atribuindo a ele características transparentes.
        A comunicação está em todos os cantos do trabalho. Está no cafezinho, na mesa de trabalho, na troca de olhares ora complacentes, ora não. Não há vida numa empresa sem a comunicação. Então, por que não fazer bom uso dela?
        Quando um país passa por um momento de insegurança, como na atualidade, é comum perceber o medo dos profissionais verbalizado em queixa. Aumenta também o estresse e as relações podem se tornar mais difíceis, afinal os ambientes ficam mais competitivos. E, é nessa hora que é preciso ter um olhar mais observador em relação a sua comunicação.
        A primeira dica é “não vá armado para o trabalho” (leia-se, pronto para a briga). Boa parte das pessoas tem a defensiva muito alta, principalmente quando estão num ambiente competitivo. Demonstrar que você está armado para qualquer situação pode gerar mais estresse. Então, seja cordial. Chegue no trabalho distribuindo sorrisos, cordialidades. E não seja reativo à primeira provocação. Lembre-se, ser gentil é uma das maneiras mais deliciosas de expressar o seu melhor.
        Outra dica muito simples é não seja você o pessimista. Se você quer encontrar soluções para “passar” pelo momento de crise do país ou da sua empresa, não é desaforando palavras ruins que você vai conseguir. Pelo contrário. Então, saia de perto dos pessimistas e tente sempre mostrar e ver o lado bom das situações.
        Uma sugestão que vale a pena em qualquer situação (principalmente as de tensão) é “não faça um inimigo por acaso.” Muitas pessoas pensam que podem falar tudo aquilo que vem a cabeça. Quando as pessoas estão numa situação de estresse qualquer frase dita fora de contexto pode gerar conflito (e até revolta). Você não quer isso, certo? Então, pense muito bem no que vai falar.
        E, apesar disso, tente manter a espontaneidade. Ninguém gosta de trabalhar com colegas que não conseguem dividir uma piada. Mesmo num momento de tensão, permita-se rir, tente manter o ambiente tranquilo e, por que não, até relaxado?
        É importante também levar em conta que por mais relaxado que se esteja não se pode relaxar com o seu trabalho, muito menos com sua escrita e fala. Então, nada de escrever aquele e-mail dizendo “a maioria vão”. Lembre-se: seu chefe lhe contratou por suas competências e, é claro, quer que você não escorregue nem gramática, nem na fala.
        E, muito importante: tenha noção de como é que você se comunica. Peça feedback a colegas que você confia. E se você tiver alguma dificuldade, como de apresentação, coordenação de uma reunião ou até e-mails que geraram ruídos (ainda que sem intenção) é hora de investir na sua comunicação. Sem medo do que irá encontrar pela frente porque, afinal, sua comunicação é o melhor que você pode comunicar de você mesmo.

p.s: Invista na sua comunicação. Faça os cursos on-line da DNA Comunicativo. 10 temas sobre comunicação, apresentados de um jeito prático e fácil. A DNA Comunicativo acredita que todos têm o direito de trabalhar sua comunicação. Por isso, lançou cursos a preços acessíveis. Clique no banner abaixo e conheça o tema que mais se encaixa a sua demanda atual:


0 comentários:

Postar um comentário