Marcadores

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Chega de mimimi!

  Esses dias li o pensamento abaixo em um grupo de discussão de comunicação não-violenta[i] no Facebook. E pensei: tá aí, é isso mesmo!





           Por que as pessoas complicam tanto? Essa é uma frase difícil de responder. Ninguém é capaz de entrar no cérebro do outro para saber por que raios as pessoas não tomam atitudes simples ou dizem aquilo que sente. Nas redes sociais está sempre em circulação aquela frase “chega de mimimi”, como quem diz: chega de conversinha. Vamos aos fatos!
        Mas, acredito que as próprias pessoas dão pistas para esse comportamento.     E uma explicação pode ser o fato de que a humanidade anda muito sem fé na própria humanidade. Como quem diz: “ah, eu não vou ligar não, fulano não liga para mim”. Ou então: “ah, quer saber, não entendeu, deixa quieto”. Ou ainda: “ah, não vale a pena eu pedir, não vai resolver mesmo”. Será?
        Acredito que comunicar seus desejos é o primeiro passo para o sucesso, porque se você é capaz de assumir o que busca, ninguém lhe poupará a verdade. Ou, em outros termos, mesmo que as pessoas ao seu redor não gostem de uma afirmação ou negação sua, você será ouvido. E ser ouvido não tem nada a ver com ser agressivo.
        Garantir o direito de falar aquilo que se pensa - e o de ser ouvido - sem machucar ninguém é um exercício que cabe a qualquer um. E você já tentou? Diga, sem medos e sem rodeios, aquilo que pretende, mas com firmeza e também leveza. Pode as duas coisas em uma única afirmação? Claro que pode! Falar o que se quer dizer com tranquilidade é como o “fluxo da chuva”. Quando os pingos caem no chão, formam um fluxo contínuo de água trazendo leveza até mesmo a uma tempestade! Quando se encontra as palavras certas para falar aquilo que se deseja, essas palavras caem como os pingos de chuva, seguindo um fluxo. Permitindo, portanto, que até uma “tempestade de emoções” escoe com mais leveza.
        Mas, se não se permite que as palavras fluam ou que fiquem enroscadas, então, a analogia muda. O que acontece com a chuva que não escoa direito? Enchente! E é o mesmo que acontece com os humanos. Ficam cheios de sentimentos e emoções que não conseguem colocar para fora. E, por quê? Pelo medo de dizer as coisas?
        Quanto tempo se perde na vida porque as pessoas acreditam que algo não dará certo? E mais, quanto tempo se perde ao não se expressar um simples desejo? Por que parece tão difícil? Porque o medo pode realmente ser maior do que o próprio desejo. Ou ainda porque uma situação ruim anterior não lhe permite perceber a vida como o fluxo da chuva, e aí qualquer palavra pode representar uma gota que faz transbordar uma enchente de sentimentos!
        Então, transborde-se!!! Talvez esteja na hora de permitir que o um desejo não seja entendido como um futuro não. E se o não acontecer, um novo sim pode entrar no lugar. Depende da maneira como você quer enxergar o seu novo desafio.
        Enquanto você pensa, eu digo: para de complicar as coisas. E chega de mimimi!


0 comentários:

Postar um comentário